As Sete Palavras
  Páscoa Cristã
  Por que existe o sofrimento?
  Catequistas
  Como surgiu a Quaresma?
  A Festa da Páscoa


2017 - Buscando Novas Aguas

A Festa da Páscoa

Jesus, como narram os evangelhos, ressuscitou “no primeiro dia da semana” (Mt 28,1). Por essa razão, os primeiros cristãos começaram a reunir-se a cada semana para celebrar a sua festa, não mais no sábado, como faziam os judeus, mas no dia seguinte (At 20,6-12; 1 Cor 16,2), naquele que os romanos chamavam “dia do Sol”; logo depois foi mudado também o nome desse dia, que passou a ser chamado “dia do Senhor”. No começo, portanto, não havia nem a festa de Natal, nem as festas de Nossa Senhora, nem qualquer outra festa. Havia a celebração semanal da ressurreição do Senhor e só. Decorridas algumas décadas, porém, os cristãos sentiram a necessidade de celebrar de um modo especial esse acontecimento central da fé. Sentiram a necessidade de instituir a primeira de todas as festas, a Páscoa, considerada o “Domingo dos domingos”, a “Festa das Festas”. Era como a rainha de todas as festas, de todos os domingos, de todos os dias do ano. No começo do século II essa festajá estava difundida em todas as comunidades cristãs. O seu ponto culminante era a assembléia noturna de oração, que se concluía com a celebração eucarística. A participação a essa assembléia era tão importante, que um famoso cristão daqueles tempos, chamado Tertuliano, falando dos problemas que uma mulher cristã teria encontrado casando-se com um pagao, se perguntava: O seu esposo lhe dara autorizaçao para sair à noite, para participar da vigília pascal?”